Saturday, July 30, 2011

Perfeição (nível físico)

Essa é uma tentativa pra que parem de me encher o saco.
O que é um homem/uma mulher GOSTOSOS pra mim:






Explicando:
homens: estrutura óssea grande (que quer dizer: ombros largos, canela grossa, quadris não estreitos mas ainda mais estreitos que os ombros), altura (quanto mais melhor), preferencialmente barriga não dura (independente do tamanho), pernas "carnudas" e visualmente magro ou normal(detesto homem definidinho e ter barriga não define se você é gordo ou não). nariz grande, dentes grandes, olhar marcante, voz grossa, e estilo estranhinho, por favor. pendendo pra qualquer lado, só tem que ser "diferente".

mulheres: seios fartos, pernas grossas (não musculosas, e nem no nível "se juntam ao andar"), estrutura óssea pequena, cintura fina (mas que a barriga não seja seca), quadril com mesma circunferencia dos ombros, traços delicados, cabelos (preferencialmente) escuros. nariz pequeno, boca delineada, olhar marcante, sorriso de omissão, pele bem clara, voz suave e não melosa (seja fina ou grossa). estilo? casual com acessórios interessantes.

Friday, July 29, 2011

À Vírgula

Brechas
Pontos que se partem
Coisas que não findam
A carne manchada
Sustado e sustenido
Assustado
Morrer de medo do abismo antes de chegar lá
É a pausa sonora
É o que dá espaço
a vírgula
ah, essa devassa

Monday, July 18, 2011

Excelentíssimo sr. Renato Albuquerque de Lima Pedrosa

Venho por meio desta pedir-lhe encarecidamente para que abandone a sua existência antes que ela lhe seja tirada. Não sei quantos sonhos o senhor cumpriu ou quantos filhos o senhor acumulou por aí, e peço que resolva logo as suas pendências porque logo logo, o senhor vai deixar seu corpo de vez e não quero que nada nessa vida fique desamparado. Não te darei um prazo, portanto trate de iniciar os processos amanhã. Quando o senhor menos esperar, sua vida não será mais parte do mundo.

Grato desde já,

Gustavo Lúcio

------------

Olá Gustavo,

Tudo bom? Não sei o que fiz para gerar tanta revolta dentro de você. Eu sou tão ruim vizinho assim? De qualquer forma escrevi meu testamento e já liguei pra advogada, está tudo no esquema.

Muito Obrigado,

Renato

------------
------------
------------

Rio, DD de MM de 20YY

Hoje morri. Era tudo o que eu mais queria na vida. Era a unica coisa que queria na vida. Tentei conter minha felicidade quando soube que iria morrer. Morri por não ser nada. Morri por não ser ninguém. Morri por nunca ter feito nada util pra mim nem pra ninguém e ainda conseguir incomodar outras pessoas. Morri.
Eternamente grato,

Renato.

------------

Ontem um homem foi morto. Matei porque me obrigava a olhar por vários dias várias mulheres diferentes. Me obrigava tambem a tragar sem querer perfumes amadeirados e cigarros fortíssimos. Sempre tinha que limpar o vômito e os respingos de alcool do hall de entrada. Ele era tão inteligente, tão vívido, me perturbava.

Pare

Parar pra mudar.
A linha reta não tem desvios.
Os desvios você mesmo cria, quando sente que deve criar.
Pare.
Mas só pare pra mudar.
Ponha um ponto final.
Mas só pra começar outra frase.
De repente a dor não tem mais peso.
E só o que tem peso é a vontade.
Pare.
só se for pra fazer diferente.
E que venha o medo.
Transpassado pela coragem.
Ha formas.
Que se saiba e decida a melhor e mais apropriada.
E não haja arrependimentos, quando se deparar com mundos possíveis.
Poder,
de fazer,
e sempre,
poder
fazer
diferente.

Saturday, July 16, 2011

Milágrimas - Itamar Assumpção/Alice Ruiz

Em caso de dor, ponha gelo
Mude o corte do cabelo
Mude como modelo
Vá ao cinema, dê um sorriso
Ainda que amarelo
Esqueça seu cotovelo
Se amargo for já ter sido
Troque já este vestido
Troque o padrão do tecido
Saia do sério, deixe os critérios
Siga todos os sentidos
Faça fazer sentido
A cada milágrimas sai um milagre
Em caso de tristeza vire a mesa
Coma só a sobremesa
Coma somente a cereja
Jogue para cima, faça cena
Cante as rimas de um poema
Sofra apenas, viva apenas
Sendo só fissura, ou loucura
Quem sabe casando cura
Ninguém sabe o que procura
Faça uma novena, reze um terço
Caia fora do contexto, invente seu endereço
A cada milágrimas sai um milagre
Mas se apesar de banal
Chorar for inevitável
Sinta o gosto do sal
Sinta o gosto do sal
Gota a gota, uma a uma
Duas, três, dez, cem mil lágrimas, sinta o milagre
A cada milágrimas sai um milagre

Finally Free (without a name)

You are once again surrounded by a brilliant white light.
Allow the light to lead you away from your past and into this lifetime.
As the light dissipates you will slowly fade back into consciousness remembering all you have learned. When I tell you to open your eyes you will return to the present, feeling peaceful and refreshed.
Open your eyes

Friday evening
The blood still on my hands
To think that she would leave me now
For that ungrateful man

Sole survivor
No witness to the crime
I must act fast to cover up
I think that there's still time

He'd seem hopeless and lost with this note
They'll buy into the words that I wrote

This feeling inside me
Finally found my love, I've finally broke free
No longer torn in two
I'd take my own life before losing you

Feeling good this Friday afternoon
I ran into
Said we'd get together soon

He's always had my heart
He needs to know
I'll break free of the Miracle
It's time for him to go

This feeling inside me
Finally found my love, I've finally broke free
No longer torn in two
He'd kill his brother if he only knew

Their love renewed
They'd rendezvous
In a pathway out of view
They thought no one knew
Then came a shot out of the night

Open your eyes

One last time
We'll lay down today
One last time
Until we fade away
One last time
We'll lay down today
One last time
We fade away

As their bodies lie still
And the ending draws near
Spirits rise through the air
All their fears disappear, it all becomes clear
A blinding light comes into view
An old soul exchanged for a new
A familiar voice comes shining through...

This feeling inside me
Finally found my life, I'm finally free
No longer torn in two
I learned about my life by living through you

This feeling inside me
Finally found my life, I'm finally free
No longer torn in two
Living my own life by learning from you

We'll meet again my friend someday soon...

Open your eyes

(Dream Theater)

Saturday, July 09, 2011

Thursday, July 07, 2011

e aí

e aí você me perguntava se eu tava bem,...
o que você achou que eu diria? a verdade?
ou quem sabe um claro que não? um sinto sua falta? eu não tive escolha.
eu nunca quis que você me visse chorando.
agora que só tenho chorado de felicidade,
estou pronta pra te ver novamente.

Monday, July 04, 2011

A prova de que tudo é possível:

"Snake 'befriends' snack hamster



Aochan, the snake 'seems to enjoy' being with Gohan, the hamster
A rodent-eating snake and a hamster have developed an unusual bond at a zoo in the Japanese capital, Tokyo.
Their relationship began in October last year, when zookeepers presented the hamster to the snake as a meal.
The rat snake, however, refused to eat the rodent. The two now share a cage, and the hamster sometimes falls asleep sitting on top of his natural foe.
"I have never seen anything like it," a zookeeper at the Mutsugoro Okoku zoo told the Associated Press News agency.
The hamster was initially offered to Aochan, the two-year-old rat snake, because it was refusing to eat frozen mice.
As a joke, the zookeeper said they named the hamster Gohan - the Japanese word for meal.
"I don't think there's any danger. Aochan seems to enjoy Gohan's company very much," said zookeeper Kazuya Yamamoto.
The apparent friendship between the snake and hamster is one of many reported bonds spanning the divide between predator and prey."


Fontes: Snakes on Stuff
BBC News